Minha Saúde

enhanced by Google
 

Aneurisma da aorta torácica

Compartilhar:
Conteúdo exclusivo para o iG no Brasil e usado pelos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos

Definição

Um aneurisma é um inchaço ou alargamento irregular de uma porção de uma artéria causado por fraqueza nas paredes dos vasos sanguíneos.

Um aneurisma da aorta torácica ocorre na parte da maior artéria do corpo (a aorta) que passa pelo peito.

Nomes alternativos

Aneurisma da aorta - torácica; Aneurisma sifilítico - Aneurisma - aorta torácica

Causas, incidência e fatores de risco

Foto: ADAM

O interior do coração é composto por válvulas, átrios, ventrículos e vasos associados

O motivo mais comum para ocorrência de aneurisma da aorta torácica é o endurecimento das artérias (aterosclerose). Essa doença é mais comum em pessoas com colesteral alto, pressão sanguínea alta de longa duração ou que fumam.

Outros fatores de risco para aneurisma torácico são:

Sintomas

Os aneurismas se desenvolvem lentamente durante muitos anos. A maioria dos pacientes não apresentam sintomas até que o aneurisma comece a vazar ou dilatar. Dores no peito ou nas costas podem significar o súbito alargamento ou vazamento do aneurisma.

Muitas vezes, os sintomas surgem subitamente quando:

  • O aneurisma cresce rapidamente
  • O aneurisma se rompe (denominado ruptura)
  • O sangue vaza pela parede da aorta (dissecação da aorta)

Se o aneurisma pressionar estruturas próximas, os seguintes sintomas poderão surgir:

  • Rouquidão
  • Problemas para engolir
  • Respiração aguda (estridente)
  • Inchaço no pescoço

Outros sintomas podem incluir:

  • Dores nas costas ou no peito
  • Pele viscosa
  • Náusea e vômito
  • Ritmo cardíaco acelerado
  • Baixa pressão sanguínea

Exames e testes

O exame físico é geralmente comum, a não ser que tenha ocorrido uma ruptura ou um vazamento.

O rompimento da aorta (um rasgo na aorta, que é a principal artéria que vem do coração) pode ser visto em um raio X do tórax. No caso representado pela figura ao lado, foi causada por uma perfuração traumática da aorta torácica.

Foto: ADAM

Rompimento da aorta, radiografia do tórax

É assim que o raio X mostra quando o peito está cheio de sangue (hemotórax direito), visto aqui como uma nebulosidade do lado direito da imagem.

A maioria dos aneurismas da aorta é descoberta por meio de testes realizados por ourtos motivos, geralmente uma radiografia do tórax, um ecocardiograma ou uma tomografia computadorizada do tórax.

Uma tomografia computadorizada do tórax mostra o tamanho da aorta e a localização exata do aneurisma.

Um aortograma (um conjunto especial de imagens de raio X feitas quando um contraste é injetado na aorta) consegue identificar o aneurisma e quaisquer ramificações da aorta envolvidas.

Tratamento

O tratamento depende da localização do aneurisma. A aorta compreende três partes:

  • A primeira parte vai até a cabeça. É chamada de aorta ascendente
  • A parte do meio é curvada. É chamada de arco aórtico.
  • A terceira parte vai até os pés. É chamado de aorta descendente.

Para pacientes com aneurimas da aorta ascendente ou do arco de aorta:

  • A cirurgia para substituir a aorta é aconselhável caso o aneurisma tenhas mais de 5-6 centímetros. A aorta é substituída por um enxerto de plástico ou de tecido. É uma cirurgia complexa que requer o uso da máquina coração-pulmão.

Para pacientes com aneurismas da aorta torácica descendente:

  • Uma cirurgia séria é realizada para substituir a aorta por um enxerto de tecido caso o aneurisma tenha mais de 6 centímetros.
  • O implante de stents (fixadores) endovasculares é a opção menos invasiva. Um stent é um pequeno tubo plástico ou metálico usado para manter a artéria aberta. Os stents podem ser implantados no corpo sem cortes no peito. Ainda assim, nem todos os pacientes com aneurisma torácico descendente são candidatos para a implantação dessa endoprótese.

Consulte também: Reparo de aneurisma da aorta - endovascular

Evolução (prognóstico)

O prognóstico de longo prazo para pacientes com aneurisma da aorta torácica é determinado por outros problemas médicos, tais como doença cardíaca e diabetes, que podem ter causado ou contribuído para esse quadro.

Complicações

Complicações graves do pós-operatório incluem:

A morte logo após a operação acontece em 5-10% dos pacientes.Complicações após o implante do stent incluem danos às pernas, o que pode requerer outra operação.

Ligando para seu médico

Informe seu médico sobre:

  • Histórico familiar de distúrbios do tecido conjuntivo
  • Desconforto no peito ou nas costas

Prevenção

Para prevenir a aterosclerose:

  • Controle sua pressão sanguínea e níveis de lipídeo no sangue
  • Não fume
  • Faça exercícios regularmente

Faça o teste no iG Saúde e descubra qual é a atividade física ideal para você

Referências

Safi HJ, Estrera AL, Miller CC 3rd, Azizzadeh A, Porat EE. Thoracic vasculature with emphasis on the thoracic aorta. In: Townsend CM Jr, Beauchamp RD, Evers BM, Mattox KL. Sabiston Textbook of Surgery. 18th ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier; 2008:chap 63.

Atualizado em 2/6/2010, por: Shabir Bhimji MD, PhD, Specializing in Cardiothoracic and Vascular Surgery, Midland , TX. Review provided by VeriMed Healthcare Network. Also reviewed by David Zieve, MD, MHA, Medical Director, A.D.A.M., Inc.

Todas as doenças

A A.D.A.M., Inc. é reconhecida pela URAC, também chamada de American Accreditation HealthCare Commission (Comissão de Reconhecimento de Cuidados de Saúde) – www.urac.org. O programa de reconhecimento da URAC é uma auditoria independente com o objetivo de verificar se a A.D.A.M. segue padrões rigorosos de qualidade e responsabilidade. A A.D.A.M. está entre as primeiras empresas a conquistar essa importante distinção para informações e serviços de saúde on-line. Saiba mais sobre a política editorial, o processo editorial e a política de privacidade da A.D.A.M. A empresa é também um membro fundador da Hi-Ethics e segue os princípios da Health on the Net Foundation (Fundação da Saúde na Internet) – www.hon.ch.

As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles. 1997- 2011 A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.

Ver de novo